quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Duas decisões! Dois pesos e duas medidas!


Hoje, quarta feira dia 28/12/2011 as 15 h teremos mais uma prova de safadeza na história da política brasileira,  principalmente na parte superior onde os roubos e os jogos de interesses são realizados na cara de pau, sem vergonha e sem pudor algum.
Falo isso após uma comparação simples, mas objetiva da decisão adversa do governo sobre dois termos distintos em importância, valores e necessidades.

Uma prova inquestionável que não estão nem ai para o povo brasileiro.
No começo da semana passada o Governo negou aumento real a aposentadorias acima do mínimo
Os mais de 9 milhões de aposentados que ganham acima de um salário mínimo não terão aumento real no ano que vem. Em uma reunião realizada no ultimo dia 20, o governo negou o reajuste de 12% pedido pelos aposentados. O aumento será de apenas 6,5%, seguindo a inflação.

O argumento do Palácio do Planalto foi que diante da crise econômica internacional é preciso que se tenha responsabilidade. Os sindicalistas prometeram pressionar o Congresso para incluir o aumento no orçamento de 2012.
Na ocasião, afirmara o deputado Paulinho. “Vamos usar do mesmo remédio que eles usam, pegaremos o regimento da Casa e não vamos deixar eles votarem o orçamento se não derem o aumento’ ato este colocado em prática ainda na mesma semana pelos parlamentares.
Para os aposentados que ganham um salário mínimo, o reajuste será de 14,26% em 2012, indo para R$ 622,73.

Em contra partida este mesmo governo, mas agora representado pela mesa diretora do senado, sobe o comando do presidente José Sarney faz nesta ultima quarta feira do ano uma das maiores provas de canalhice política deste país.
O senado que esta em recesso dês do dia 23 de dezembro e que teoricamente só voltaria aos trabalhos no dia 2 de fevereiro de 2012, fará uma reunião emergencial para empossar o senador que tinha sido barrado pela ficha limpa.
Ex-presidente do Senado e ex-governador do Pará, Jader Barbalho (PMDB-PA) deve assumir nesta semana o mandato de senador, substituindo Marinor Brito (PSOL-PA).

A Comissão Diretora do Senado realizou sua última reunião do ano às 11h na terça-feira (20), com o objetivo examinar os documentos apresentados por Jader Barbalho, entre eles, ofício do TRE-PA, comunicando à Casa a retotalização dos votos determinada pelo Supremo Tribunal Federal. O documento informa que Jader obteve 1.799.762 votos preferenciais, do total de 4.483.459 votos válidos registrados na ata geral das eleições de 3 outubro de 2010. 
A partir dessa reunião da direção do Senado, foi contado o prazo de cinco dias úteis para a posse de Jader Barbalho. Assim, o parlamentar poderá tomar posse nesta quarta feira (28). 
.
Senado abrirá no recesso para empossar senador que tinha sido barrado pela Ficha Limpa
 A pressa para tomar posse no dia de hoje vai render a Jader Barbalho (PMDB-AP) o ganho de R$ 30.283,13 - resultantes de uma ajuda de custo de R$ 26.723,13 paga aos senadores no início e no fim de cada ano legislativo (valores brutos), mais R$ 3.360 relativos a quatro dias de salário de dezembro, mesmo sem trabalho.
Numa iniciativa que não se vê mesmo para votar projetos de interesse do país, a Mesa Diretora do Senado, sob o comando do presidente José Sarney, decidiu se reunir em caráter excepcional nesta quarta-feira, em pleno recesso parlamentar, para dar posse ao senador Jader Barbalho.
 Ele renunciou a seu mandato anterior de senador, em 2000, para não ser cassado no escândalo de desvio de recursos do Banpará e da Sudam, e, por isso, foi barrado pela Lei da Ficha Limpa nas eleições do ano passado, quando foi o segundo candidato ao Senado mais votado do Pará.
O Senado entrou em recesso na quinta-feira dia 26 de dezembro e só retoma as atividades no início de fevereiro. Já empossado como senador, Jader fará jus também ao salário de janeiro, no valor bruto de R$ 26.723,13, que não receberia se só tomasse posse do mandato em fevereiro. E, na volta do recesso, o novo senador receberá, como todos os demais, o salário do mês somado a mais uma ajuda de custo do mesmo valor, relativa ao início do ano legislativo de 2012.
Fonte: Agência Senado

domingo, 23 de outubro de 2011

Rua da Mina em Werneck!


     Só pra refrescar a mente dos amigos!


    A Rua Nossa Senhora de Aparecida ou Rua da Mina como é mais conhecida, já esta em situação critica a mais de três anos assim como tantas outras em nosso bairro.
    Sendo assim, acho muita sacanagem algumas pessoas ficarem agora fazendo propaganda com esse tipo de problema, e mais! Penso ser uma completa falta de respeito com os moradores das ruas e bairros em questão.
       Descaradamente nos dão à sensação que só tomaram conhecimento destes problemas agora, como se tudo tivesse começado por estes dias, e isso é uma inverdade.
        Durante as duas ultimas reuniões que participei de representantes de bairros com o senhor Gil Leal, prefeito de Paraiba do Sul, nos foi confirmado o recapeamento da Rua da Mina "Nossa Senhora Aparecida" ainda neste ano.
       Ele nos falou das dificuldades da prefeitura em conseguir verbas para tais obras mas, contudo nos garantiu que deste ano não passa.
        Foi conversado também sobre os problemas das ruas Fernando Pereira Leal no morro do campo, Maria Raiol na Volta Grande, Porcino F de Moraes e Antônio Pereira Braz no Alvorada, José Morais Vizeu no Bairro Glória.

        
      E para não propagar mais uma vez a injustiça e o oportunismo já iniciada por alguns em Werneck, deixo claro que assim que tais obras acontecerem, divulgarei no jornal A voz de Werneck e no Blog uma matéria falando sobre o assunto.
      Faço questão de falar o nome de todos os vereadores e moradores de Werneck que assim como eu, também ligaram para a prefeitura, fizeram ofícios e participaram de reuniões com o senhor prefeito a fim de solucionar tais problemas.
      Darei méritos a todos que merecerem! Afinal, ninguém é melhor que ninguém, não é mesmo?

      Infelizmente não consigo me calar diante de tanta hipocrisia!
      Doa a quem doer! Sou assim, penso assim e ninguém vai mudar a forma que tenho de perceber as coisas!
      Chega de papo furado, precisamos de obras e não de propagandas de um bando de aproveitadores!
Como diz Henry Thoreau “Os homens hão de aprender que a política não é a moral e que se ocupa apenas do que é oportuno.”
       Infelizmente isso é uma verdade, a nossa triste e vergonhosa verdade!
Márcio Alves Vasconcellos


Rua Maria Raiol ( Volta Grande)

Rua nossa Senhora de Aparecida ( Glória)






        Porcino F de Moraes e Antônio Pereira Braz no Alvorada













Rua Fernando Pereira Leal (Alvorada)

Fazenda Glória do Mundo

         Essa fazenda foi fundada pelo Capitão Inácio de Souza Werneck em terras desmembradas da grande azenda da Várzea. Passou depois a Manoel Gomes Ribeiro Leitão, casado com Cláudia Joaquina da Conceição, Irma do Visconde da Paraíba e que, ficando viúva, vendeu-a ao tenente- coronel Luiz Quirino da Rocha em 29 de 1851 por 34:000$000.
Este fez das terras da Glória do Mundo uma das ótimas propriedades da zona, com grandes plantações de café e cana, além da criação de gado, trabalhando na fazenda mais de 250 escravos, desta forma abriram-se então diversos sítios anexos.
O tenente-coronel Quirino era filho de José Quirino da Rocha, primeiro barão de Palmeiras. E casado em primeiras núpcias com Francisca da Chagas Werneck, formando-se desse casamento assim o tronco da família Rocha Werneck, estabelecida principalmente no município de Paraíba do Sul.
Do casamento de Luis Quirino com Francisca das Chagas Werneck nasceram os primeiros Rocha Werneck, que foram: Francisco Quirino da Rocha Werneck, bacharel em direito e fidalgo da casa Imperial, mais tarde dono de três fazendas desmembradas da grande gleba da Boa vista por seu casamento com Rosa Ribeiro de Avelar; José Quirino da Rocha Werneck, também bacharel em direito e barão de Werneck por decreto de 24 de agosto de 1882, foi dono da fazenda das Graças e casado em primeiras núpcias com Maria do nascimento Avelar, filha do barão do Ribeiro, e em segunda núpcias com Maria Diniz Cordeiro, irmã do conde Diniz Cordeiro; Luiz Quirino da Rocha, casado com Cândida de Avelar Rocha; Francisca Augusta, casada com o medico Leopoldo Nóbrega, de cujo consórcio nasceu o coronel Martinho Nóbrega, deputado à Assembléia Estadual; João Quirino da Rocha Werneck, de quem falaremos adiante; e Inácio Quirino da Rocha Werneck, que morreu sem descendência.
          De um segundo casamento teve o tenente-coronel Luiz Quirino da Rocha os filhos seguintes: Laurindo, casado com Belmira de Sousa Werneck e dono da fazenda Aquidaban; Maria Henriqueta; Elisa, casada com José da Rocha Machado; Carolina, casada com Antônio Joaquim Gonçalves; Emília, casada com Fernando de Souza Werneck; e Florindo, que morreu moço.
       Por morte do tenente-coronel Luis Quirino a fazenda Glória do Mundo passou ao filho João Quirino da Rocha Werneck, agraciado com o título de segundo barão de Palmeiras por decreto de 13 de setembro de 1882.

A data que passou e ninguém lembrou

1º de outubro, dia do vereador

       No Brasil tem data para tudo e para todos.       Existe dia do meio ambiente, dia do motorista, dia do trabalho, dia do beijo, dia do solteiro, dia de tudo que se possa imaginar.
E no dia 1º de outubro foi comemorado o dia do vereador. Todos os dias escutamos nos noticiários algo sobre política, os vereadores, mas muitas vezes nem prestamos atenção quanto às funções do vereador. Afinal, você sabe o que um vereador faz? Você sabe quais são as obrigações de um vereador?
O vereador tem duas funções principais: fiscalizar as ações da Prefeitura e legislar. A segunda implica em analisar e votar, aprovando ou rejeitando, projetos de lei apresentados pelos próprios parlamentares, pelo Executivo (Prefeitura) ou pela sociedade civil. O parlamentar, como parte de seu mandato, exerce suas funções também fora das salas do legislativo, seja visitando as comunidades ou participando de discussões sobre temas municipais em eventos fora da Câmara. Mas, em grande parte do tempo, estão nos gabinetes, nas comissões técnicas ou em plenário, onde são apreciados e votados a maioria dos projetos que podem se transformar em leis municipais.
 Do ponto de vista estrito da Constituição Federal, o vereador pode: • Aprovar, emendar ou rejeitar o projeto de orçamento do município, que é de iniciativa do Executivo. • Definir de que forma o solo urbano deve ser ocupado: altura dos prédios, uso residencial ou comercial etc. • Fiscalizar permanentemente atos do governo – acompanhar e denunciar irregularidades da administração municipal ao Tribunal de Contas e ao Ministério Público. Exemplo: acompanhar o resultado das licitações, empenho e pagamento das firmas contratadas; acompanhar como o dinheiro é aplicado e verificar a qualidade dos serviços. • Criar normas gerais sobre concessão de serviços públicos. • Conceder títulos de homenagem e a Medalha Anchieta aos cidadãos.
E o vereador não pode: • Alterar a estrutura administrativa da Prefeitura. • Gerar despesa pública fora do orçamento. • Legislar sobre assuntos de competência do Estado ou da União.
A rigor, o vereador não tem obrigação de atender fora do seu horário de trabalho em Plenário.
Isso pode ocorrer em circunstâncias especiais. Porém, o vereador, como agente político, sozinho ou acompanhado de seus assessores, pode e deve fazer o atendimento aos seus eleitores nos bairros, vilas e centro da cidade. O vereador, também, não é obrigado há ficar o tempo todo em seu gabinete como pensam muitas pessoas.  Nem os seus assessores. 
Constitucionalmente o trabalho de um vereador e de seus assessores não se limita apenas ao
Plenário ou ao prédio da Câmara. Fontes: www.camarasaa.mg.gov.br  e  www.institutoagora.org.br

As histórias que ouço sobre antigos políticos

           Alguns políticos de nossa cidade, para ser mais exato alguns poucos vereadores exerciam aquilo que chamo de vereador de comunidade, mas o que vem a ser um vereador de comunidade?
O vereador de comunidade era aquele que se identificava tanto com as pessoas, sendo seus eleitores ou não, que viam da dificuldade e necessidade do próximo motivo de seu mandato, sendo assim abraçavam causas dos moradores, lutavam pelos ideais cujo único foco era o bem estar dos seus.
         Foi o tempo em que um vereador era como um jogador de seleção das antigas, que não jogava pelo dinheiro ou por profissão, mas por amor; amor pelo que fazia e principalmente pela condição de estar representando algo tão importante em sua vida.
Uma observação importante que tem que ser feita é que nesta mesma época os políticos eram eleitos pelo reconhecimento do povo, cada bairro tinha o seu preferido e consequentemente teria através da vontade explícita de seus moradores um representante a altura. Eram devidamente eleitos por suas evidencias e presença dentro das comunidades e não por conta de dinheiro ou por indicação de alguém como agora.
“Tempo em que se acreditava que o santo de casa podia e fazia sim muitos milagres.” Dentro deste contesto, nós, o povo, fazíamos toda a diferença.
         Dentro de tantas regras do legislativo fica confusa a idéia de que o vereador não deve se manifestar em assuntos internos dentro das comunidades, na teoria sim, mas na prática podia e pode ser bem diferente.
         Na prática, todos, sem exceção, deviam se aproximar das comunidades, apoiar e criar projetos em prol das mesmas, ajudar líderes comunitários, procurando assim identificar problemas e soluções sempre ao lado dos mais interessados, o povo, assim, como faziam os verdadeiros políticos de outrora.
            Infelizmente, os nossos políticos não usam o exemplo tão digno e humano dos antigos. Para a maioria deles, ser vereador ou prefeito não significa e nunca significou motivo de orgulho e sim uma preocupação em relação aos futuros ganhos, já que a maioria não tem nenhuma qualificação e nem outra profissão a não ser a profissão de político.
          Tenho certeza que muitos ainda se lembram com saudades do passado, principalmente os senhores e as senhoras que presenciaram alguns desbravadores de nossa cidade em pleno exercício do mandato.
          Foi uma época que o dinheiro não era sinônimo de competência e credibilidade de ninguém, e os princípios dos candidatos não eram questionáveis como nos dias de hoje.
           Márcio Alves Vasconcellos

Mais uma parte de nossa história


     Foto tirada do centro de Werneck entre o ano de 1930 e 1940
     Observamos a estação ferroviária e  ao seu lado um pequeno bar que ali existia para atender os comerciantes e moradores da região.
      Mais aos fundos podemos ver o que é hoje a farmácia e a sua direita a igreja de Nossa Senhora da Glória ainda no formato original, sem as escadas e ainda sem as recentes transformações.

sábado, 22 de outubro de 2011

Exemplo de amor pela comunidade de Werneck

            João Carlos Rosa da Silva ou Caio, como é conhecido pelos amigos, um cara simples e de família humilde, é uma prova viva de competência e determinação, exemplo claro de amor e carinho pela sua comunidade.
Filho de pais humildes, João trabalha como pedreiro em nossa comunidade, às vezes aos sábados e domingos, mas mesmo assim vem a anos se dedicando as nossas crianças.
Para ele não existe cansaço e desanimo, com muitas dificuldades, mas com perseverança este pai de família tira de um tempo que muita das vezes não tem, em prol da realização de crianças que vêem nele a chance de treinarem futebol de campo e futsal.
Com seu trabalho voluntário e sem custos para as crianças, ele também possibilita a cada um crescer com o objetivo de se ter o compromisso e responsabilidade como meta de vida.
Toda a comunidade e principalmente os pais aprovam esta iniciativa.
Comecei a trabalhar com futebol mais ou menos há uns 10 anos, porque gosto de ensinar as crianças a praticar esporte, tudo com muito amor e dedicação.
O meu trabalho é voluntário e quando possível com a ajuda da prefeitura, através do presidente da liga, o amigo Fernando.
Aqui em Werneck todo mundo acha bonito, mas são poucos os que ajudam. Hoje percebo o que o senhor Ordelino e Moacir passavam quando também trabalhavam com as crianças e que por sua vez não tinham apoio de ninguém.
Hoje esta um pouco melhor, porque tenho alguma ajuda ou devo dizer alguns padrinhos. São eles, Lucas Cruz, Ana Paula, Luizinho, Sandrinho, Beto e Giovane.
Mas para não dizer que esqueci, lembro-me com saudades de quando Sandro era o presidente, ele não media esforços para manter um bom time, chegava colocar mais de oito pessoas dentro do seu carro.
Muitas saudades, nós éramos uma boa dupla e somos até hoje bons amigos.
Assinado Caio.


Mais uma vez meus parabéns meu amigo pelo exemplo que você nos dá com seu projeto.
Pois mesmo diante de tantas dificuldades você demonstrar muita atenção e respeito com as crianças de seu bairro.

Novo Conselho Tutelar de Paraiba do Sul

         No dia 27 de junho de 2011, tomou posse o novo Conselho Tutelar de Paraíba do Sul, composto por cinco membros como manda o art.132 da Lei Federal 8.069/90 Estatuto da Criança e do Adolescente,  este para o mandato de três anos, de 2011 a 2014. 
Sendo os novos Conselheiros: Rosy Mara do Vale Silva - Presidente; Paulo Cesar de Oliveira - Vice-presidente; Letícia Maria da Silva - Secretaria; e demais Conselheira Daiane de Carvalho e Conselheiro Luciano Borsato.
         O Conselho Tutelar é um órgão que zela por Direitos de Crianças  e Adolescentes. Diferente de atender  faz com que quem tem efetivamente a função de atender,  o faça  de acordo com o art. 131 do E.C.A.
Por isso, não é um órgão de execução, ele utiliza a rede municipal que presta serviços de atendimento a Criança e ao Adolescente, às famílias e a Comunidade em geral.

           Para promover a execução de suas decisões, o Conselho pode de acordo com o art.136 do E.C.A.  requisitar os serviços Públicos oferecidos na Rede Municipal e na falta deste apontar as políticas necessárias para sua implementação.
           O Conselho Tutelar, não é um órgão de repressão e sim um órgão de proteção de violação de Direitos, quando são ameaçados ou violados.
           Sendo dever de todos em geral, assegurar com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos fundamentais inerentes a pessoa humana, assegurando por Lei todas as oportunidades e facilidades, a fim de facultar o desenvolvimento físico, mental, espiritual e social, em condições de liberdade e de dignidade.
            DENUNCIE: DISK 100 DISQUE CRIANÇA 0800 230 007 e CONSELHO TUTELAR 22661386
 
Aqui vai uma estatística referente a demanda do Conselho entre o dia 28 de junho a 31 de julho de 2011.
45 atendimentos, sendo 19 denuncias anônimas, por telefone, Disk 100 e Disk ALERJ.
52 notificações de evasão escolar;
07 denuncia de maus-tratos intra-familiar: físicos e psicológicos;
05 casos de abuso-sexual com crianças intra-familiar;
01 abandono de incapaz;
02 desaparecimentos;
01 colocação em abrigo;
09 problemas de comportamento.
Realizamos 29 visitas domiciliares e 17 encaminhamentos para a justiça;
Acionamos a rede municipal
07 requisições de atendimento para psicólogo;
07 requisição de certidão de nascimento;
10 requisições de matricula em escolas e creches ;
Aplicamos 09 Advertência aos pais e responsáveis e 07 Termo de Responsabilidade aos pais e responsáveis.
 
       Cabe ressaltar , tudo isso foi realizado graças a parceria que temos com as Secretarias Municipais, devido as dificuldades encontradas em realizar nosso trabalho pela falta de veiculo próprio e telefone celular.
Dificuldades essas já solucionadas pelo  Ilmo. Sr.Prefeito Gil Leal, que não mediu esforços para nos ajudar.
       Obs.: No dia 26 de agosto deste ano, realizamos o I Encontro Regional Sul Fluminense de Conselhos Tutelares do Estado do Rio de Janeiro. No encontro foi passado informes a nível estadual através do Coordenador Regional, Nelson da Silva, Conselheiro de Mendes, em seguida apos o almoço tivemos uma capacitação sobre a relação Conselho Tutelar e Conselho de Direito, com o Palestrante Dr. Claudio Sobral de Tanguá e por fim o Deputado Estadual Marcus Vinicius do PTB, nos passou os informes a respeito da regulamentação e remuneração de Conselheiros Tutelares.


9ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
TEMA: MOBILIZANDO, IMPLEMENTANDO E MONITORANDO A POLÍTICA E O PLANO DECENAL DE DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES NO ESTADO E NO MUNICÍPIO.


No dia 08 DE NOVEMBRO DE 2012, das  8:00 AS 17:00 HORAS
SALÃO DA TERCEIRA IDADE DE PARAIBA DO SUL.

Festa de Nossa Senhora da Glória em Werneck

            Todos os anos um milagre acontece e nós não damos conta: A festa anual de N.S da Glória.
Quem chega para orar ou dançar nem imagina o que acontece nos preparativos. É um ir e vir de voluntário, que trabalham, até a exaustão e mesmo assim se sentem felizes.
No fim de maio, o conselho convida para uma reunião que abrange toda a comunidade religiosa. A primeira reunião é sempre marcada pela presença de poucas pessoas.
Discutem-se principalmente quem será responsável por essa ou aquela atividade. Nas outras reuniões que são praticamente sucessivas, ou seja, semanais, as responsabilidades vão sendo demarcadas. Ai, começa um corre corre que só termina uma semana após a festa.
As reformas necessárias na igreja, no salão e na cozinha são feitas. As senhoras responsáveis pela coleta de alimentos saem em suas ruas recebem suas listas. Os bilhetes para o almoço já começam a ser adquiridos pelos interessados nos avisos ao fim das missas de domingo, avisa-se aquelas que têm habilidades manuais para iniciarem seus trabalhos para a barraca de artesanato.
Ofícios para a P.M, PC, Guarda municipal e Light são redigidos e entregues. Estes são enviados, também, para os diversos estabelecimentos comerciais, que culturalmente tem o costume de ajudar com donativos.
O programa é um acontecimento à parte. Quem vai tocar para animar a parte social, quem vai patrocinar e também quem ficara responsável pela parte litúrgica?
Como será os textos de louvor a virgem santíssima?Onde arranjaremos padres para diversas celebrações?
Sim porque nosso pároco é um só para atender a várias comunidades. Ao fim de dezenas de telefonemas e muitas conversas com outras comunidades que nos ajudam, tudo é definido e o nosso pároco aprova então se envia todo o material para a gráfica.
Agora sim, já temos um programa. A festa será às vésperas e no dia da Padroeira: 15 de agosto.
Há que se aprontar cânticos para as celebrações. Canta-se o que se cantar, encerra-se sempre com o hino de N.S da Glória.
A decoração da igreja é a parte importante dos preparativos, bem como a do andor e também do salão. Para isso temos ali voluntários que, anualmente com prazer, largam seus inúmeros afazeres e transformam tudo em maravilhas, simplesmente por amor a Nossa Mãe Celeste.
Não se pode fazer festa sem as melhores iguarias, para isso contamos com várias equipes que a despeito dos melhores alquimistas, transformam ingredientes simples em delícias da nossa culinária.
Faz-se almoço para 700 pessoas, o restaurante serve diariamente à noite, quantidade igual ou maior de pratos variados.
Temos também pasteis e batata belga, apreciadíssimos pelos visitantes.
Invariavelmente no sábado à noite, acontece o leilão de salgados, esperado por um número grande de admiradores.
Recebemos doações de vários locais, inclusive de fora do nosso município. Interessante destacar que esse leilão é feito por homens que coletam, temperam e assam todas as peças que serão leiloadas.
Outra colaboração que nos é, também, de grande valia, além dos estabelecimentos comerciais é a dada pelas escolas, através de suas diretoras que nos ajudam com coletas diversas.
Há ainda a participação dos barraqueiros que enfeitam o pátio com a oferta de todos os produtos imagináveis.
Contamos, também, com o leilão de bezerros ofertados pelos fazendeiros das redondezas.
O dia da padroeira começa bem cedo com alvorada, animado pela Banda 17 de Março e salva de fogos.
À tarde a procissão atravessa toda a cidade iluminada por velas e com a participação da banda o que faz inigualável. Do final da caminhada, a missa solene em homenagem a Nossa Senhora.
Quando termina a missa, é de arrepiar, ouvir o coro formado por todos os fiéis, que uníssono, entoam o hino a Nossa Senhora da Glória.
Nossa Senhora da Glória, divina mãe do senhor...
É milagre puro!
       Neuza Affonso.                                                                                                                                                       

A embalagem de Deus

       Um jovem estava para se formar e há muitos meses ele vinha admirando um lindo carro esporte.
       Sabendo que seu pai podia muito bem arcar com aquela despesa, ele disse ao pai que o carro era tudo o que ele desejava.
      Como o dia da formatura estava próximo, o jovem esperava sinais de que seu pai tivesse comprado o carro.
      Finalmente, na manhã da formatura, o pai o chamou e disse quão orgulhoso se sentia por ter um filho tão bom e disse a ele o quanto o amava.
       Então entregou ao filho uma caixa de presente, lindamente embalada.
       Curioso e, de certa forma desapontado, o jovem abriu a caixa e encontrou uma Bíblia de capa de couro com o nome dele gravado em ouro.
Irado, ele levantou a sua voz para o pai e disse: “Com todo o dinheiro que você tem, você me dá uma Bíblia?” E violentamente saiu de casa.
       Muitos anos se passaram, e o jovem tornou-se um homem de sucesso nos negócios.
       Ele tinha uma linda casa e uma família bonita, mas certo dia percebeu que seu pai já estava idoso e resolveu visitá-lo.
       Ele não via o pai desde o dia da formatura e um pouco antes de terminar os preparativos para a viagem, recebeu um telegrama informando que seu pai havia falecido e deixado todas as suas posses em testamento para o filho.
       Ele precisava imediatamente ir à casa do pai e cuidar de tudo.
      Quando lá chegou, sentiu um misto de tristeza e arrependimento preencher o seu coração.
       Estava remexendo os documentos e papéis do pai quando viu a Bíblia, ainda nova, exatamente como ele havia deixado anos atrás.
       Com lágrimas, ele abriu a Bíblia e começou a virar as páginas.
       Seu pai havia sublinhado cuidadosamente o versículo de Mateus 7.11:
     “Se vós, pois, sendo maus, sabeis dar boas coisas aos vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos céus, dará bens aos que lhes pedirem?”
      Enquanto lia, uma chave de carro caiu da Bíblia.
      Ela tinha uma etiqueta com o nome da revendedora, a mesma que tinha o carro esporte que ele tanto desejava.
      Na etiqueta constava ao data da formatura, e as palavras:“Totalmente pago.”
       Quantas vezes nós perdemos as bênçãos de Deus porque elas não vêm “embaladas” como nós esperamos!


Senhor,
Tu és o Bom Pastor,
Eu sou a Tua ovelha.                                                                   
Em  alguns dias, estou sujo;
Em outros, me revelo.
Sou uma ovelha ora mansa, ora agitada.
Sou uma ovelha ora perdida, ora reconhecida.
Eu sou Tua ovelha, Senhor.
Eu conheço a Tua voz.
É que às vezes a surdez toma conta de mim.
Eu sou Tua ovelha, Senhor.
Não permita que eu me perca,
que eu me desvie do Teu rebanho.
Mas se eu me perder, eu Te peço, Senhor,
Vem me encontrar.
Amém.

Queimaduras! O que se deve fazer?

              A queimadura é uma das condições mais devastadoras pela qual uma equipe médica pode se deparar. No Brasil, há um milhão de casos de queimaduras a cada ano, 20% são atendidos em serviços de emergência e 4% demandam hospitalização. Quanto à fisiopatologia, a liberação local de citocinas terá um efeito sistêmico uma vez que a queimadura atinja 25-30% da área de superfície corporal.
Queimadura é uma lesão em determinada parte do organismo desencadeada por um agente físico. Dependendo deste agente as queimaduras podem ser classificadas em queimaduras térmicas, elétricas e químicas. Queimaduras térmicas são aquelas causadas por calor e são as mais freqüentes.
Quando se faz uma avaliação das causas das queimaduras observa-se que, na esmagadora maioria das vezes, a falta de cuidado é o principal elemento responsável.
     O manuseio descuidado de produtos em altas temperaturas, como líquidos quentes ou objetos incandescentes e a atividade de crianças em ambientes perigosos, como a cozinha, podem ser considerados como a principal causa desta terrível doença que é a queimadura.
    O uso do álcool no início do churrasco, para apressar a combustão do carvão, ou o manuseio sem cuidado de foguetes e outros objetos explosivos também causam queimaduras e destruições de maior ou menor vulto, principalmente na mão e na face.
    A dor causada pela queimadura faz com que, na situação de emergência domiciliar, as pessoas utilizem pomadas e ungüentos além de uma infinidade de outros produtos (borra de café, etc.). A pasta de dente pelo frescor que desencadeia é freqüentemente usada.
     As substâncias anti-sépticas presentes nas pastas dentais são extremamente irritantes aos tecidos expostos na zona da lesão queimada.
    No tratamento especializado, a primeira conduta, na maioria das vezes, é a de retirada de todos estes elementos inadequadamente utilizados, com todas as dificuldades e dor que esta remoção exige. Daí a importância do uso de produtos corretos no início (domiciliar) do tratamento.
     Costuma-se classificar as queimaduras de acordo com a profundidade da pele lesada.
   Esta classificação é importante para se avaliar o prognóstico (previsão de cicatrização e cura) da queimadura. Quanto mais superficiais, melhor o prognóstico. As queimaduras mais profundas têm um prognóstico mais grave. 
     De maneira geral as queimaduras de primeiro grau podem ser tratadas clinicamente com um a utilização de pomadas e evoluem satisfatoriamente.
   As queimaduras mais profundas têm um tratamento inicial com pomadas e freqüentemente necessitam posteriormente a utilização de procedimentos cirúrgicos, como a enxertia de pele retirada de outras regiões, pois a necrose destrói a zona lesada e exige este tipo de reparação.
     Todas as queimaduras mais profundas podem deixar cicatrizes mais ou menos evidentes.
    Não interessa qual a profundidade da queimadura térmica, o primeiro cuidado é o da interrupção da atividade agressiva aos tecidos orgânicos do agente agressor.
      Pode ser conseguido com a utilização de água corrente na zona lesada.
    Um jato fraco de água levemente morna, demoradamente usado na zona queimada é o melhor tipo de tratamento imediato para a queimadura.
      Um creme que pode ser usado, e que deve fazer parte da farmácia caseira, é o creme de Sulfadiazina de prata a 1,00 %. Trata-se de um genérico de baixo custo, que pode ser usado tópicamente em muitas outras pequenas lesões. Existe, entretanto, a restrição para um pequeno grupo de pessoas que são alérgicas à sulfa.
    Uma camada fina deste creme aplicado na zona lesada dá um certo alívio à ardência. Se for possível deixar a lesão exposta sem ataduras ou outros envoltórios é melhor. Analgésicos
caseiros podem ser usados.         Fonte: WWW.abcdasaude.com.br

                 Vídeo com os acidentes mais comuns em nossa casa.


video











quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Plantando consciência

           Vale apena destacar o evento promovido pela direção da Escola Municipal Marly Madeira Soares que neste mês de outubro nos deu mais uma vez uma prova de comprometimento com o nosso meio ambiente.

As crianças e os professores foram agraciados com uma palestra feita pela secretaria do Meio Ambiente Maria Fernanda e também puderam assistir o trabalho feito pelos alunos do 9º ano do Centro Educacional São Bento.
Todas as crianças vestidas a caráter saíram em uma passeata pelo centro de Werneck e ruas, gritando frases de comprometimento e advertência.
Parabéns a diretora Maria da Glória Pedroso e a todos os professores e voluntários por esta bela iniciativa de conscientizar as nossas crianças e comunidade.
     A natureza agradece.


























Espaço da comunidade

         O Projeto Ponto de Cultura Bordados Fio Mágico de Werneck disponibiliza gratuitamente a comunidade cursos de bordado livres, nas 4ª feiras, das 14h às 16h, e informática às 8h, 14 e 18h, cada aula com 2 horas de duração, as 3ª e 5ª feiras.
Cursos gratuitos e abertos para maiores de 14 anos.
        Atendimento da psicóloga Dra Maria Célia nos seguintes horários:
2ª feira-13h40min às 16h00minh
3ª feira-17h30min às 17h00minh
4ª feira-17h30min às 20h40minh
5ª feira-13h40min às 17h00minh
Sábados-13h40min às 15h00minh
Endereço: Rua José Rodrigues da Silva, nº 98, antigo PSF de Werneck.







                Inscrições para aulas de música na sociedade musical 17 de Março estão abertas neste mês de outubro.
          Cajon, percussão, bateria, baixo, violão, não há um instrumento especifico para as aulas, tendo em vista que o professor pretende trabalhar com vários temas e grupos.
Pretende ainda ensinar a arte da fabricação de alguns instrumentos musicais.
A princípio as aulas serão dadas nas quartas feiras, a partir das 19h com o Professor de música Rodrigo José Duarte Batista do projeto “Música para todos”.
O professor ressalta que há grandes possibilidades de se ter mais aulas num outro dia da semana.
A confirmação do dia certo das aulas será divulgada em todo o bairro através de cartazes.



             Prestação de serviços
              Venho comunicar aos moradores de Werneck que agora temos postos de recolhimento de óleo de cozinha usado.
Peço a colaboração dos moradores e comerciantes para a entrega deste material nos seguintes locais:
         Escola Municipal Professora Marly Madeira Soares e loja Radu`s Bike Center somente nas segundas feiras, e também na Igreja Nossa Senhora da Glória nos dias de domingo, sempre na parte da manhã.
          Em breve estaremos disponibilizando a quem se interessar na comunidade um curso de manipulação desse material para a fabricação de sabão.

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Cada um recebe o que merece.

A atitude da hoje candidata a prefeitura  de Paraiba do Sul Graça Marcos, reflete bem de quem estamos servidos para as próximas eleições.
E como se não bastasse toda essa cachorrada ainda teremos mais novidades! Pelas noticias que soube nestes dias podemos esperar algo meio como um efeito dominó. Vai ser um tal de cai, cai....
Sobre os atuais governantes, penso que quando existe seriedade num governo a eficiência fica estampada em todas as partes, principalmente no que diz respeito ao seu partido. 
Um bom trabalho, um partido forte.


No caso deles, os espertos estão pagando caro por toda incompetência destes quase oito anos de hegemonia.

Durante este período aprendemos o que é empurrar os problemas com a barriga, nunca se pensou em resolver nada, nunca se pode fazer nada, alias nunca se teve dinheiro ou vontade de se fazer nada.
E o tempo foi passando e como não podia deixar de ser, trataram de fazer com eles o que foi feito em todos estes anos com o povão.

A mesmice foi tanta que não perceberam por comodismo que as suas faltas de atitudes podiam se transformar naquilo que chamamos de castigo, este se deu em forma de uma mulher que como num passe mágica fez desta artimanha algo jamais visto em nossa cidade.

 Para ela uma cartada corajosa e gloriosa, pelo menos até o momento, mas humilhante e deprimente para a parte que foi literalmente passada para traz, fato este que nunca mais em todas as suas vidas particulares e políticas poderão se esquecer.
Como a vida é irônica!

Pelo menos alguma coisa eles vão ter a oportunidade de aprender com todo este episódio, mesmo sendo na marra.

Na vida meus amigos cada um colhe o que planta, sem contar que vocês esqueceram-se de algo muito importante, ainda mais para quem lida com os anseios do povo.

Neste mundo ninguém e insubstituível.

E viva a renovação-Paraiba do Sul pode mais   


Obs.: (não estou enchendo a bola de ninguém, mesmo porque ela assim como os outros também não sabe em que direção fica Werneck, 4º distrito de Paraíba do Sul.)

Márcio Alves Vasconcellos